26 setembro 2006

O futuro das revistas de arquitetura

Qual será o futuro das revistas de arquitetura? Ao que parece, o modelo tradicional das publicações da área - consagrado por exemplos como a L'architecture d'aujourd'hui e a Domus (e que se pautam - e brigam!- por projetos recentes com plantas, fotos e texto, mais noticiários e artigos) - está em cheque.

Novos periódicos surgidos nos últimos anos, tais como a norteamericana Metropolis e a inglesa Icon (cuja capa mais recente ilustra o post) possuem tipos de abordagem distintos. O início desta mudança foi a criação da Wallpaper, revista de comportamento inglesa, que mistura arquitetura, design, viagem e moda. Isso sem falar da já desaparecida Nest - uma doideira total!

Nesta caçamba ainda tem a Internet - com sites, blogs etc - que poderá, nas próximas gerações, diminuir a força da mídia impressa.

Em contrapartida, enquanto as revistas tradicionais se movimentam, outras, surgidas nos últimos 15 anos - como as espanholas 2G, AV e El Croquis - mantém firme um foco de resistência do modelo tradicional.

Se os periódicos podem ser acusados de potencializar o desejo pela novidade que caracteriza a arquitetura atual, serão eles também engolidos por esta fome de notícia?

Marcadores:

2 Comments:

Blogger Oliveira Júnior said...

Dei uma espiada no Blog e gostei do que vi. Não apenas voltarei com mais calma, como colocarei um link no meu blog e recomendarei-o aos colegas e alunos.
Parabéns!!!

12:24 AM  
Blogger Alencastro said...

Oi Oliveira Jr.,

Faça isso: aumente a audiência!

12:44 PM  

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home