06 março 2007

Será que vale?

Responda rápido: você pagaria 58.380,00 reais por três croquis de Niemeyer? Um é do MAC de Niterói, outro é do Alvorada e o terceiro é do Sambódromo.

Eles deverão ser leiloados para pagar uma dívida trabalhista da Fundação Oscar Niemeyer. Quem informa é o Estadão de hoje (disponível só para assinates).

Marcadores: , ,

13 Comments:

Anonymous koob said...

Ele nem morreu e já estão "super-valorizando" ele...

9:50 PM  
Blogger GUGA ALAYON said...

não

11:04 PM  
Blogger Alencastro said...

E todos os croquis, koob, passam a ser 'originais'...

12:15 PM  
Blogger Alencastro said...

Não, Gugala? Será que vale mais?

12:15 PM  
Anonymous peri s.c. said...

Ah, ah, se tivessem como, muitos comprariam, apenas pelo prazer de poder queimá-los em praça pública, logo em seguida.

2:59 PM  
Blogger GUGA ALAYON said...

R$ 19.460/croquis com 3 linhas/croquis dá R$ 6.486,66/linha.
Muito cara. Ainda mais para uma venda 'em pacote' para pagar dívidas trabalhistas.

5:36 PM  
Blogger Alencastro said...

E a fundação está querendo arrumar recursos para comprá-los de volta! Quem sabe alguma estatal não se sensibiliza (e paga, indiretamente a dívida trabalhista...)

5:58 PM  
Blogger Alencastro said...

E são croquis recentes, Gugala! De mão trêmula...

5:59 PM  
Blogger GUGA ALAYON said...

Vai ver que essa mão trêmula é que faz a felicidade do novo casal. Agora entendi. ahah

1:07 PM  
Blogger Alencastro said...

É gugala: uma mão trêmula sempre quebra um galho...

2:03 PM  
Anonymous koob said...

Niemeyer elogia Lula e chama Bush de tirano na ABL



O arquiteto Oscar Niemeyer criticou o presidente dos Estados Unidos, George W. Bush, e defendeu o presidente Luiz Inácio Lula da Silva no discurso que mandou ler hoje na homenagem que recebeu na Academia Brasileira de Letras. "Gosto de Picasso e de Matisse, de Machado de Assis e de Eça de Queirós. Só sou intransigente em questões políticas, contra tiranos como esse Bush e contra os que tentam atacar o governo popular de Lula", dizia o texto, que Niemeyer escreveu, mas entregou para o físico Ubirajara Brito ler. O arquiteto chegou acompanhado da mulher, Vera Niemeyer, de sua única filha, Ana Maria, e de sua neta mais velha, também chamada Ana.

O neurocirurgião Paulo Niemeyer Filho, seu sobrinho, estava na platéia, assim como o desenhista e escritor Ziraldo e o escritor Antonio Torres. Os dois últimos são candidatos em potencial a cadeiras na ABL, mas atualmente o quadro está completo, com as 40 vagas ocupadas. Niemeyer foi saudado pelo presidente da Academia, Marcos Vilaça, e pelo secretário-geral da Casa, Cícero Sandroni. Na platéia, estava também a atriz Tônia FIM

Fonte: Agencia Estado - Beatriz Coelho Silva

11:22 PM  
Blogger Alencastro said...

Sabe Koob, ontem eu iria dar a nota do 'chá da Academia' com Niemeyer: mas o Alberto disse outro dia "alencastro: chega de Niemeyer" e eu obedeci...Além do mais, imagina só, lá na academia ninguém teria coragem de elegê-lo imortal: vai que ele não morre!

12:58 PM  
Anonymous Joana S. said...

hahaha. meu pai disse que, no tempo de estudante dele, depois que o Niemeyer dava palestra todo mundo corria pra arrancar as páginas com os croquis que ele fazia. Sabe deus onde elas andam hoje...

12:16 PM  

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home