12 setembro 2006

Crime & arquitetura

O prédio onde o coronel Ubiratan Guimarães morava e foi encontrado morto foi desenhado por Nadir Mezerani. O arquiteto é autor, entre outras obras, da passagem subterrânea da avenida Paulista, que inclui também a passarela do Hospital das Clínicas e a passagem subterrânea de pedestre na rua da Consolação.

O edifício em questão fica na esquina da rua José Maria Lisboa com a avenida 9 de Julho. O ponto alto do projeto são os elementos de concreto, barras verticais, que fecham os terraços de serviço que possui conformação circular e são voltados para a 9 de Julho. Desenhos ilustrativos e plantas (via Editoria de Arte), na Folha impressa de hoje.

Marcadores:

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home