30 agosto 2006

De volta para casa

Depois de seis anos na Holanda como diretor do NAI (Netherlands Architecture Institute), Aaron Betsky será o novo diretor da área da arquitetura do Cincinnati Art Museum, que completa este ano 125 anos.

O processo de escolha demorou seis meses e trás Betsky de volta aos Estados Unidos. Antes da passar pelo NAI, ele foi curador do Museu de Arte Moderna de San Francisco. Nascido em Missoula, Montana, mas de origem holandesa, ele já viveu em Cincinnati na década de 1980, quando lecionou na University of Cincinnati’s School of Architecture and Interior Design.

Betsky fez parte ainda do júri que, em 1998, escolheu o projeto do novo centro de arte contemporânea da cidade - de Zaha Hadid.

Aos 48 anos e autor de centenas de artigos e mais de duas dezenas de livros de arquitetura (entre eles, 10 x 10 e livros monográficos sobre Zaha Hadid, OMA, UN Studio e MVRDV), Betsky se notabiliza pela qualidade de seu trabalho (ele quadruplicou a visitação das exposições no NAI!) e por alinhar-se, por seus escritos e escolhas, com as tendências mas contemporâneas da arquitetura de nossa época - leia-se ai Zaha Hadid, Koolhaas etc - em oposição ao que Roberto Segre chamou "de pressão [minimalista] que os críticos espanhóis exercem sobre a opinião mundial" .

Segundo o site do museu, ele começa a trabalhar em meados de novembro. Vamos esperar para ver se ele coloca Cincinnati de pernas para o ar.

Marcadores: , ,

4 Comments:

Anonymous peri s.c. said...

começou muito bem , interessantes seus posts, grande risco de virar freguês .

12:05 AM  
Blogger Alencastro said...

Peri,
vou concordar com você...pois, o cliente tem sempre razão

12:40 PM  
Anonymous peri s.c. said...

Tem nada . Engolimos o sapo e fazemos novo estudo , imaginando onde vamos pegá~lo na curva sem que ele perceba .

4:20 PM  
Blogger Alencastro said...

Aqui também pegamos os clientes na curva...quando eles percebem, já estão viciados!!!

5:08 PM  

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home